Lua Serena


VIDA NOVA...


Agradeço a todos que tiveram paciência...

E a eles digo: uma nova fase começa... venham me visitar!!!

http://sininho74.zip.net



Escrito por Serena às 22h47
[   ] [ envie esta mensagem ]




AGOSTO PASSOU...

 

... e setembro chegou... O meu inferno astral já se findou, mas ao que parece os dias estão ficando cada vez mais curtos. Tento me informar, trabalhar, organizar minha vida pessoal, encontrar os amigos e parece que os dias literalmente voam. É um absurdo, mas tenho a sensação que estamos correndo atrás do tempo. Será?

Ás vezes gostaria de viver em outra época, onde o tempo caminhasse conosco e não que nos ultrapassasse!!!



Escrito por Serena às 23h06
[   ] [ envie esta mensagem ]




UM DIA APÓS O OUTRO...

Estou meio afastada da minha casinha... o trabalho está exigindo demais, e a internet não ajuda muito. Sempre penso em algo legal que gostaria de colocar aqui, mas não consigo me organizar... Só quero agradecer a todos que passam por aqui e avisar que assim que sair do meu inferno astral as coisas devem melhorar... Que alívio!!!



Escrito por Serena às 23h54
[   ] [ envie esta mensagem ]




SAIU NO JORNAL


A ex-professora Mary Kay Letourneau, de 43 anos, se casou com Vili Fualaau de 22. Eu já citei por aqui esse caso... Mary Kay se envolveu com Vili quando ele tinha 12 anos e era seu aluno. Ela engravidou duas vezes e ficou presa durante sete anos por abuso sexual contra o garoto.

Pelo menos, de vez em quando, finais felizes também acontecem na vida real.

Ainda bem...



Escrito por Serena às 01h04
[   ] [ envie esta mensagem ]




REFLEXÕES...


Comprei o CD do cantor irlandês Damien Rice... tinha lido muito coisa sobre o disco, mas nada me preparou para a beleza que encontrei... A sua música mais conhecida é "The Blower's daughter", que abre e fecha o filme Closer - Perto Demais. Belíssima!!! Deixo aqui a letra para vocês...


THE BLOWER'S DAUGHTER

And so it is
Just like you said it would be
Life goes easy on me
Most of the time
And so it is
The shorter story
No love, no glory
No hero in her sky

I can't take my eyes off of you
I can't take my eyes off you
I can't take my eyes off of you
I can't take my eyes off you
I can't take my eyes off you
I can't take my eyes...

And so it is
Just like you said it should be
We'll both forget the breeze
Most of the time
And so it is
The colder water
The blower's daughter
The pupil in denial

I can't take my eyes off of you
I can't take my eyes off you
I can't take my eyes off of you
I can't take my eyes off you
I can't take my eyes off you
I can't take my eyes...

Did I say that I loathe you?
Did I say that I want to
Leave it all behind?

I can't take my mind off of you
I can't take my mind off you
I can't take my mind off of you
I can't take my mind off you
I can't take my mind off you
I can't take my mind...
My mind...my mind...
'Til I find somebody new



Escrito por Serena às 01h39
[   ] [ envie esta mensagem ]




HOMENAGEM...


Há alguns dias tenho escutado algumas músicas de um grupo muito legal: Los Hermanos. Vou ser sincera, não conhecia o trabalho deles, mas uma grande amiga, que é fã dos caras, fez eu ficar muito curiosa. E ela tinha razão, as letras são muito legais e os arranjos não ficam atrás!
Como não posso falar ainda com propriedade sobre o assunto deixo aqui a letra da música que eu mais gostei até agora. Ah, e também não posso esquecer, de homenagear essa grande amiga, que sempre quando eu preciso está lá com um ombro amigo...

ÚLTIMO ROMANCE

Eu encontrei-a quando não quis
mais procurar o meu amor
e quanto levou foi pra eu merecer
antes de um mês eu já não sei
e até quem me vê, lendo jornal
na fila do pão sabe que eu te encontrei

E ninguem dirá
que é tarde demais
que é tao diferente assim
o nosso amor
a gente é quem sabe pequena

Me diz o que é o sufoco que eu te mostro alguém
a fim de te acompanhar
e se o caso for de ir a praia
eu levo essa casa numa sacola

Eu encontrei-a e quis duvidar
tanto clichê
deve não ser
voce me falou
pra eu não me preocupar
ter fé e ver coragem no amor
e só de te ver
eu penso em trocar
a minha tv num jeito de te levar
a qualquer lugar
que você queira

E ir onde o vento for
e pra nós dois
sair de casa já é
se aventurar

Me diz o que o sossego que eu te mostro alguém
afim de te acompanhar
e se o tempo for te levar eu sigo essa hora
eu pego carona
pra te acompanhar



Escrito por Serena às 23h56
[   ] [ envie esta mensagem ]




SEMPRE...


... ouvi essa música, mas nunca me toquei do que realmente a letra quer dizer... fora que o clipe é lindo. Essa é a canção do dia. Enjoy!!!!

Epitáfio
Titãs
 
Devia ter amado mais, ter chorado mais
Ter visto o sol nascer
Devia ter arriscado mais e até errado mais
Ter feito o que eu queria fazer
Queria ter aceitado as pessoas como elas são
Cada um sabe a alegria e a dor que traz no coração

O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar distraído
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar

Devia ter complicado menos, trabalhado menos
Ter visto o sol se pôr
Devia ter me importado menos com problemas pequenos
Ter morrido de amor
Queria ter aceitado a vida como ela é
A cada um cabe alegrias e a tristeza que vier

O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar distraído
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar...

Devia ter complicado menos
Trabalhado menos 



Escrito por Serena às 20h27
[   ] [ envie esta mensagem ]




VENTO NO LITORAL

De tarde eu quero descansar,
Chegar até a praia
Ver se o vento ainda está forte
E vai ser bom subir nas pedras
Sei que faço isso pra esquecer
Eu deixo a onda me acertar
E o vento vai levando tudo embora

Agora está tão longe
Vê, a linha do horizonte me distrai:
Dos nossos planos é que tenho mais saudade,
Quando olhávamos juntos na mesma direção

Aonde está você agora
Além de aqui dentro de mim?

Agimos certo sem querer
Foi só o tempo que errou
Vai ser difícil sem você
Porque você está comigo o tempo todo

Quando vejo o mar
Existe algo que diz:
- A vida continua e se entregar é uma bobagem.

Já que você não está aqui,
O que posso fazer é cuidar de mim
Quero ser feliz ao menos
Lembra que o plano era ficarmos bem?

- Ei, olha só o que eu achei: cavalos-marinhos
Sei que faço isso pra esquecer
Eu deixo a onda me acertar
E o vento vai levando tudo embora



Escrito por Serena às 23h41
[   ] [ envie esta mensagem ]




MÚSICA DO DIA...

O Ivan Lins é um compositor muito legal, mas eu acho que ele só fez sucesso na década de 70, mas não posso garantir. O que eu sei, que ele tem músicas lindas, mesmo algumas muito tristes, que me acompanham há tempos.
Foi ele quem compôs "Madalena", interpretada por Elis Regina e "Bilhete". Também é dele "Começar de novo", que foi tema do seriado "Malu Mulher", que marcou época na televisão brasileira. Era a primeira vez que a tv apresentava uma personagem feminina e divorciada. Deixo aqui, a letra que diz muito sobre o seriado...

Começar de Novo
(Ivan Lins / Vitor Martins)

Começar de novo
E contar comigo
Vai valer a pena
Ter amanhecido
Ter me rebelado
Ter me debatido
Ter me machucado
Ter sobrevivido
Ter virado a mesa
Ter me conhecido
Ter virado o barco
Ter me socorrido

Começar de novo
E só contar comigo
Vai valer a pena
Ter amanhecido
Sem as tuas garras
Sempre tão seguras
Sem o teu fantasma
Sem tua moldura
Sem tuas escoras
Sem o teu domínio
Sem tuas esporas
Sem o teu fascínio

Começar de novo
E contar comigo
Vai valer a pena
Já ter te esquecido



Escrito por Serena às 00h29
[   ] [ envie esta mensagem ]




RECORDAR É VIVER...

Hoje eu estava me lembrando de um filme chamado Paixão Eterna (Made in heaven). É com Timothy Hutton e Kelly McGillis e conta a história de Mike e Annie, um casal que se conhece e se apaixona no céu. Mas eles são obrigados a se separar quando Annie é mandada de volta para a Terra. Mike, não aguentando a sua ausência, pede para ser enviado ao seu encontro. Para isso, ele faz um acordo: encontrá-la em 30 anos ou perdê-la para sempre.

O que eu acho mais legal (ou triste) do filme, é que em boa parte dele, os dois personagens vivem se esbarrando, mas nunca se encontram realmente. Parece até vida real de vez em quando... A música tema era We never danced. Como não podia deixar de ser, deixo aqui a letra para vcs...

We never danced

Between heaven and earth
There's a ballroom floor
Where the couples glide
In the evermore.

Floating through the clouds
Dancing in the rain
Eyes that see no lies
Hearts that feel no pain.

Hope it's not too late
We were more than friends
I can hardly wait
'Til we meet again.

If you don't really know
Where you want to go
It makes no difference
Which road you take.

Hope it's not too late
We were more than friends
I can hardly wait
'Til we meet again.

We never danced
We never danced
We never danced
the night away.



Escrito por Serena às 17h23
[   ] [ envie esta mensagem ]




TODO COMEÇO DE ANO É A MESMA COISA...

Na época das matrículas sempre vemos na TV matérias sobre trotes violentos nas universidades... É inacreditável que ainda exista gente que defenda o trote como sendo algo legal... Desde quando encher os olhos de alguém com tinta ou fazê-lo andar descalço pela Praça do Relógio em pleno meio dia é legal, é engraçado? E quando acontecem as tragédias, ninguém sabe dizer o que aconteceu, ninguém é culpado. O pior disso tudo, é saber que isso ainda acontece dentro da USP, um lugar onde os alunos deveriam ser um pouco mais "iluminados".

Escrito por Serena às 16h37
[   ] [ envie esta mensagem ]




NÃO COUBE NO OUTRO POST...

A letra da música final completa o clima de Ata-me. É maravilhosa... Aproveitem...

RESISTIRÉ

Cuando pierda todas las partidas
Cuando duerma con la soledad
Cuando se me cierren las salidas
Y la noche no me deje en paz.

Cuando sienta miedo del silencio
Cuando cueste mantenerse en pié
Cuando se rebelen los recuerdos
Y me pongan contra la pared.

(Refrão)
Resistiré, erguido frente a todo
Me volveré de hierro para endurecer la piel
Y aunque los vientos de la vida soplen fuerte
Soy como el junco que se dobla
pero siempre sigue en pié.

Resistiré para seguir viviendo
Soportaré los golpes y jamas me rendiré
Y aunque los sueños se me rompan en pedazos
Resistiré, Resistiré...

Cuando el mundo pierda toda magia
Cuando mi enemigo sea yo
Cuando me apuñale la nostalgia
Y no reconozca ni mi voz

Cuando me amenace la locura
Cuando en mi moneda salga cruz
Cuando el diablo pase la factura
O si alguna vez me faltas tu.

(Repete Refrão)



Escrito por Serena às 21h02
[   ] [ envie esta mensagem ]




RELEMBRANDO...

Outro dia assisti de novo na Tv a cabo o filme Ata-me de Pedro Almodóvar. Um dos primeiros filmes de Antonio Banderas (que está lindo!!!), o romance incomum entre uma atriz pornô ex-viciada (Victória Abril) com um paciente de um hospital psiquiátrico, tinha tudo para dar errado, mas pelo contrário, se transforma em uma ótima história de amor.

 

  



Escrito por Serena às 20h38
[   ] [ envie esta mensagem ]




Criando vergonha...

Bem, o ano já começou faz tempo e o meu acesso à Internet está cada vez pior...
Hoje estava lembrando de um filme que assisti há muito tempo. Chama-se Os Amantes de Maria (Maria's lovers), estrelado por Nastassja Kinski, John Savage e Keith Carradine, foi dirigido por Andrei Konchalovsky.




Hoje em dia ninguém mais se lembra deles, uma pena... Tem uma música neste filme que eu amo de paixão e nunca consegui encontrar. Foi composta pelo diretor e interpretada por Keith Carradine. Deixo a letra aqui para vcs aproveitarem...

Maria's Eyes

I never felt my heart until I looked into your eyes
I never dared to dream until I looked into your eyes
I never thought the joys of love could touch a gypsy like me
Once alone and so free, now my heart longs for you

I never felt the sun until I looked into your eyes
I thought the race was won and then I looked into your eyes
I never needed anyone to sing the songs that I sing
Now the words only ring if I sing them to you

My love is there in your eyes
My soul is bare in your eyes
If I could gaze in your eyes ever more
-it's the dream I live for-
You can open the door…

I led a life of crime and then I looked into your eyes
My heart became a prisoner when I looked into your eyes
I fell beneath your gaze and felt as though my lies had been seen
All my sins became clean
What a fool I have been

My love is there in your eyes
My soul is bare in your eyes
If I could gaze in your eyes ever more
-it's the dream I live for-
You can open the door to love





Escrito por Serena às 01h13
[   ] [ envie esta mensagem ]




TODO FINAL DE ANO...


... é igual, ficamos correndo de um lado para o outro, tentando resolver tudo que não fizemos durante um ano inteiro. Afinal, não podemos entrar no novo ano com coisas pendentes. Ano novo, compromissos novos. Seria legal se isso acontecesse realmente.

Mas eu gosto de dezembro, me dá uma sensação de que tudo está para se reiniciar e se o ano que passou não foi bom, não adianta fazer mais nada. Agora é colocar o saco nas costas e esperar que 2005 seja melhor.

Outra coisa que este mês me lembra são dos amigos e da família... sei lá, vai ver que eu fico mais sensível. De qualquer maneira, vou tentar atualizar este blog outras vezes antes de 2004 acabar. Se não conseguir deixo para todos os amigos que me visitam...

Feliz Natal e um ótimo Ano Novo!!!!


Escrito por Serena às 19h15
[   ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]


 



Meu perfil
BRASIL, Mulher, de 26 a 35 anos, Portuguese, Cinema e vídeo, Livros, televisão
Histórico
  16/04/2006 a 22/04/2006
  18/09/2005 a 24/09/2005
  17/07/2005 a 23/07/2005
  05/06/2005 a 11/06/2005
  10/04/2005 a 16/04/2005
  03/04/2005 a 09/04/2005
  20/03/2005 a 26/03/2005
  06/03/2005 a 12/03/2005
  20/02/2005 a 26/02/2005
  13/02/2005 a 19/02/2005
  05/12/2004 a 11/12/2004
  21/11/2004 a 27/11/2004
  24/10/2004 a 30/10/2004
  17/10/2004 a 23/10/2004
  03/10/2004 a 09/10/2004
  26/09/2004 a 02/10/2004


Outros sites
  Serendipity
  mEnIna dA lUa
  Nina
  Eu Odeiio...
  O beijo que você deu
Votação
  Dê uma nota para meu blog